JULIANA

Eu a amo. Ela ainda não me ama, mas eu sei que quando a gente crescer vai ser como a mamãe e o papai, um grande amor. A mamãe riu. Riu tanto que eu fiquei meio envergonhado. “Luiz Augusto, você não é muito novo para saber tanto assim de amor?”. Não sou; eu disse a... Continuar Lendo →

BLUE DEVIL – Grand Piano

Como todas as madrugadas das últimas semanas, religiosamente as três da manhã, Laura saía da cama. O problema com a insônia estava acabando com ela. Eu já sugeri todo o possível e imaginável para tentar ajudar. Feito chá, abraçado ela no sofá da sala em silêncio, até ficar chato e ela apelar para os livros.... Continuar Lendo →

A noiva

Ah! O amor. Maldito seja esse sentimento um tanto quanto macabro. Linda é sua metáfora. A ideia de que ele é divino e iluminado, que aquece os corações e os torna de fato, vivos. O amor, nada mais é que um vício infame que se entranha na alma do homem e rouba toda sua identidade... Continuar Lendo →

Site hospedado por WordPress.com.

Acima ↑